Aguarde o carregamento...
ACESSÓRIOS:: Flexiveis
ACESSÓRIOS
FLEXÍVEIS

Fornecedora de peças genuínas há mais de 51 anos, a experiência da MASTRA no atendimento ao padrão de qualidade especificado pelas montadoras, faz com que o produto dirigido ao mercado de reposição seja superior em durabilidade e qualidade funcional. Os ACESSÓRIOS MASTRA são indispensáveis no momento da troca dos escapamentos.


As junções flexíveis surgiram nos sistemas de escapamentos, juntamente com os catalisadores. Sua função é reduzir as vibrações provenientes do motor e garantir maior durabilidade ao sistema de exaustão como um todo e sobretudo do catalisador e seu núcleo cerâmico.

Com o tempo os flexíveis foram evoluindo. Os mais antigos são constituídos de tranças externas envolvendo o corrugado interno isolando-o de tal forma que não é possível visualizar suas ondas.

Atualmente toda a industria automobilística tem utilizado flexíveis com uma malha externa em forma de rede onde se visualiza perfeitamente as ondas do tubo corrugado.

Apesar de apresentar um aspecto mais frágil isso não condiz com a realidade pois os flexíveis com malha externa são tão robustos ou mesmo até mais resistentes que seus antecessores.


Atualmente a MASTRA possui mais de 40 itens em seu portfólio de flexíveis, para veículos leves e pesados.

A MASTRA desenvolveu os Flexíveis especiais que vem com as abraçadeiras pré-fixadas, tornando o serviço do instalador prático e ágil no momento da troca e livre de soldas.

Consulte nosso catálogo:



MASTRA
Como Funciona

O principal componente da junção flexível é o tubo corrugado em ondas conhecido por fole. O fole pode ser projetado em chapa de aço inoxidável única ou dupla dependendo da aplicação e da necessidade de resistência ás vibrações , absorvendo assim toda energia cinética da peça. Para aumentar sua resistência ao intenso regime de trabalho o flexível conta com a trança ou malha externa para melhorar a distribuição das cargas submetidas.



MASTRA
Características Técnicas

Posicionamento e Aplicação

Quanto a sua aplicação no sistema de exaustão o flexível aparece frequentemente na tubulação dianteira um pouco antes do conversor catalítico que é o maior beneficiado de sua atuação. Também pode ser aplicado na tubulação intermediária e antes do conversor catalítico secundário.

Já na linha pesada os flexíveis são utilizados também como tubos de extensão e interligação entre roteiro levemente desalinhados melhorando assim a montabilidade do sistema. Outra característica importante é a configuração interna. Quando instalados muito próximos aos motores os flexíveis são submetidos a passagem de gases com maior turbulência em seu interior e isto pode causar ruídos indesejados, pois as ondulações internas acabam por ampliar o efeito da turbulência dos gases. Por este motivo foram criadas soluções através da aplicação de proteção interna para eliminar o efeito da turbulência ampliada.

A proteção interna pode ser através de uma trança interna ou de "tubo grampeado" conhecido também por "interlock". A proteção interna com trança funciona bem porém em aplicações com altas temperaturas e grandes vazões de gás acabam por causar seu esgarçamento por dilatação dos arames prejudicando muito a contrapressão de trabalho do motor. Já a proteção por tubo grampeado é bem mais eficiente e é bem mais indicada para os casos de maior exigências.